quinta-feira, 30 de agosto de 2012

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

FAMOUS

Para ser famoso, na verdade não é preciso muito mais do que apenas o querer ser. Aliás, hoje em dia para ser fotógrafo basta ter uma máquina, para ser designer só precisamos de um computador, para ser politico apenas precisamos de te uma grande cara de pau e saber mentir e por aí fora. Para ser famoso, arranjamos uns guarda costas e uns fotógrafos, que foi o que o Brad fez, e deu resultado.

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

THE SURF BUBBLE

Parece que aquele chavão que diz que a criatividade é a melhor arma para combater a crise, faz o seu sentido. O "The Surf Bubble" é uma inovação a nivel mundial, criada pelo surfista e meu grande amigo Bizuka. O Bizuka lembrou-se, que às vezes é preciso pouco para salvar o dia a um surfista. Sabem aqueles sonhos em que tudo corre mal e nunca conseguimos chegar ao nosso destino? Pois é assim que muitas vezes quem faz surf se sente. Chegamos à praia, vemos o mar, ganhamos pica e.... UPS, falta o Wax, ou a cordinha!! Para os mais leigos, o wax é o que nos permite estar em pé na prancha sem escorregar, a cordinha é o que liga a prancha ao "leash" que por sua vez se prende ao nosso pé. Basicamente a falta de uma dessas coisas pode-nos estragar o dia. Agora com a invenção do bizuka, e apenas por 1€ podemos ir a uma daquelas máquinas de brindes, e tirar uma bola que contém 1/4 de barra de wax e uma cordinha. O Wax utilizado é 100% orgânico. É uma ideia que provavelmente vai revolucionar o mundo do surf, e em que eu e a GOMA (responsável pelo projecto gráfico), temos o maior orgulho de ajudar a materializar. A primeira máquina está já instalada na Praia Grande, no bar do fundo. Mais informações aqui.

terça-feira, 21 de agosto de 2012

UM WC NA PRAIA!

Eu sei que esta é a "temporada idiota", mas será que as pessoas têm de levar as coisas tão à letra? Todos os fins de semana, tenho rumado ao "meu" alentejo, nomeadamente aos Aivados. Uma praia que até há uns anitos atrás, tinha pouca afluência, bom ambiente, lugar para o carro e era acima de tudo uma praia limpa. De há 3 anos para cá, as autocaravanas, as tendas e os campistas de fim de semana invadiram o parque de estacionamento e as dunas da praia. Calma, não tenho nada contra o campismo selvagem feito por verdadeiros amantes do meio ambiente, que é exactamente o que não acontece nesta praia. Pseudo hippies (e digo pseudos, porque os verdadeiros hippies preocupam-se com a preservação do meio ambiente), gajos com a mania que são surfistas (digo com a mania, porque um verdadeiro surfista cuida do meio que o rodeia), e familias com tiques de nobreza são a fauna mais vista nesta praia nos dias que correm. E na verdade quando estamos na areia, até passa despercebida a imundice que está a escassos metros de nós. Infelizmente, basta subir qualquer uma das dunas para constatar que aquela zona não é mais do que um WC público!! A quantidade de merda acumulada e de bocados de papel higiénico é mais do que muita e vai crescendo de ano para ano!! Há coisas que sinceramente me custam a encaixar, entendo pefeitamente que o chamamento para dormir no meio da natureza seja irresistivel, entendo perfeitamente que temos o direito de usufruir das nossas praias na sua plenitude. Mas nao consigo entender esta cambada de porcos, que têm a mania que vivem em comunhão com a natureza, não consigam levar um saco de plástico para recolher a porcaria que fazem!! Custa assim tanto?? mete-vos nojo a vossa própria merda?? Então imaginem o nojo que mete a nós, comuns mortais que apenas queremos curtir uma prainha e temos de nos cruzar com as vossas prendas, que infelizmente vão acumulando a cada dia que passa. Vão lá despejar as fezes e o lixo no vosso quintal, pode ser que aí mudem de ideias.

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

É VIDA, OUVIDA

Para quem muitas vezes não percebe o que está por trás de uma instalação, aqui vai a explicação na primeira pessoa. Aguardamos pelo projecto quinta sound!

terça-feira, 14 de agosto de 2012

INSTAGRAM

Há muito que queria fazer um post sobre o Instagram, principalmente pelo ódio que se gerou entre alguns fotógrafos. Acho que há a tendência para confundir o Instagram com um programa de pós-produção de fotografias, e uma plataforma de divulgação de trabalho. Tenho ouvido muitos fotógrafos que simplesmente abominam o Instagram (eu não adoro nem odeio, apenas uso), os seus argumentos é que as pessoas acham que de repente sabem fotografar e dar efeitos nas fotos e com isso ganham imensos likes e shares e sei lá que mais. Bem... ou eu estou muito enganado ou o photoshop e o Lightroom não fazem exactamente isso? e o facebook (mesmo as páginas de autor) não serve exactamente para isso? divulgar o trabalho e angariar likes?? Então será o instagram um mix de facebook e flickr com um lightroom e photoshop? Se o é, porque gera tanta controvérsia? os fotógrafos não têm todos as suas páginas no facebook? não divulgam o seu trabalho lá? não tratam as suas fotos em programas de pós produção? não puxam pelas cores e contrastes? não manipulam as fotos? O Instagram permite que se faça uploads de fotos com o formato original, não obriga ninguém a utilizar filtros, nem tão pouco obriga a likes nem shares. Eu acabo por utilizar o Instagram de forma corriqueira, descomprometida. São fotos do dia a dia, tiradas com iphone. Gosto de seguir fotógrafos de quem admiro o trabalho, espantem-se os mais cépticos mas até alguns fotógrafos da Magnum estão lá. Como aliás praticamente todos os fotógrafos "conhecidos". Excepção feita aos que ainda acham que não fazer parte é um "status". Gosto de seguir os meus amigos, e pessoas que não conheço, mas que de uma maneira ou de outra têm um olhar engraçado ou peculiar sobre o que nos rodeia e acabam por me inspirar. O Instagram não é a invenção do século, mas também não é o bicho mau que muitas vezes retratam. É apenas uma aplicação, que como todas as outras, tem a finalidade que o utilizador lhe quiser dar. Eu não vejo um Instagram a criar fotógrafos, muito sinceramente nem me dá a sensação que os seus utilizadores se achem fotógrafos por o utilizarem, é "mais uma" aplicação como tantas outras. Quanto à qualidade das fotos, essa continua no olhar e não na máquina, e a prova disso é o Iphone, que de certa maneira revolucionou a maneira de fotografar, principalmente em situações mais discretas. E fotografando com o iphone, há melhor maneira de divulgar o trabalho do que via Instagram? Dêm um olhinho neste artigo, vale o que vale, mas é interessante e mostra outra perspectiva do fotógrafo. Aos meus seguidores e aos que eu sigo, até já. Aos que ainda continuam a resisitir e a tentar vender a imagem de "puristas da fotografia", e que entendo que até vos dá uma imagem de "outsiders" um até logo, porque quase que aposto que é uma questão de tempo até vos ver por lá:)))

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

DEDO MAU


Vale a pena visitar a Galeria do Dedo Mau , e perceber que ele tem muito mais de bom do que de mau. Excelentes trabalhos, com um traço muito próprio e original. Apontem o dedo, e escolham o vosso preferido. Estão para venda:)

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

HIPOPÓTAMA FANNY

A labrega da Fanny tem um teledisco, onde diz que quer beber até cair e viver a vida loca. Numa situação normal não iria dar protagonismo a esta vacarrona horrenda, mas acho que vale dar um clik no link para no minimo se rirem até mais não com tamanha labreguice!! Ah.. ela não permite remixs da música................. (desculpem estava a tentar parar de rir) É verdade o bigodes também entra em grande estilo... Realmente não há mais seally season que esta...

terça-feira, 7 de agosto de 2012

NO EDIT #2

Já falei aqui no Blog, do Alex Botelho, já falei dele mais que uma vez, e sempre pela mesma razão. Porque merece:) Conheço muita gente talentosa na area da fotografia, do video, do design, ilustração, pintura, música e por aí fora... mas todos eles o são assumidos. Estudaram para isso, esgravataram pelo seu espaço e muitas vezes seguem as tendências do "que está a dar". Digo isto sem qualquer tom de critica, eu faço o mesmo. O Alex, bem o Alex é diferente de todos nós. Além de ter algo tipo 1,90m de altura, um corpo tipo Adonis (sem ter de ir ao ginásio), ser um eximio surfista de ondas grandes e pequenas (não me perguntem como mas ele voa onde poucos conseguem deslizar), ter um requintado sentido de humor, um excelente coração, tem também uma veia artistica que começa a dar nas vistas. Numa altura onde todos filmam e editam a pensar nas camera lentas, nos filtros de pós produção, no tratamento de imagem... O Alex limita-se a seguir o seu instinto, e daí resultam videos originais, onde o seu cunho começa a estar fortemente marcado. Saiu hoje o NO EDIT#2, um video sem pretensões nenhumas que acaba por ser mais divertido que a maior das ditas "produções nacionais" que andam a surfar via net. Eu continuo com a teoria de que as coisas em primeiro lugar têm de ser feitas por amor, o reconhecimento virá a seu tempo. E o talento... bem, esse sem trabalho serve de pouco, mas quando aliado a uma forte vontade de fazer coisas, dá nisto;)
No Edit 2: Potatoes, Tomatoes and Surfboards from Alex Botelho on Vimeo.

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

NUNCA É TARDE

É o "titulo" de uma aventura entre pai e filho que decidiram dar a volta a África numa renault 4L (carinhosamente apelidada de catrela). Li este artigo ontem no Dn, e hoje não resisiti a vir investigar um pouco mais. O site deles está muito engraçado, com videos, fotos e relatos das aventuras e desventuras através da mãe África. Umas vezes correu bem, outrras nem por isso, mas é isso mesmo que distingue os "travellers" dos turistas. O imprevisto. É emocionante, senão comovente, ver a união de pai e filho, no que provavelmente terá sido a maior aventura das suas vidas. Duvido que algum deles algum dia irá ler este post, mas desde já fica aqui a minha admiração pela coragem, união e partilha desta experiência.

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

25 ANOS DE SURF PORTUGAL


Está nas bancas a revista de aniversário, totalmente desenhada pelo David Carson. Embora já tenha visto alguns previews, a curiosidade é mais que muita para a ver impressa. E a expectativa é grande...