segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

DESCULPE, TIROU UMA FOTO AO MEU FILHO?


Foi assim que aquela mãe com ar de poucos amigos, além do ar de bimba, se dirigiu a mim.
Passo a explicar, estava a fotografar um evento para crianças, onde naturalmente elas eram as protagonistas, e um miudo meteu a cara num painel com dois recortes para caras, daqueles onde a nossa cabeça fica noutro corpo. Eu fiz-lhe uma fotografia, a mãe viu e nada disse.
Passados 5 minutos, chega ao pé de mim e diz... "desculpe, tirou uma fotografaia ao meu filho?" "sim... tirei (disse eu com ar de quem tinha acabado de cometer um erro)", "isso vai sair onde??? sabe que para fotografar crianças tem de pedir autorização??" prontamente respondo "deixe estar vou apagar a foto".
Apaguei a dita, até porque o miudo não tinha piada nenhuma, e aí a mãe começa a querer ver a minha máquina, o que obviamente não permiti.
Durante o resto do evento, crianças e pais riam-se para as fotografias, havia uns 6 fotógrafos, pseudo VIPS à mistura, tudo sorridente. A mãe observava via tudo à distância, e a esta altura já deveria querer ter fotos do filho.
A certa altura, dirigiu-se de novo a mim e diz "desculpe posso dizer-lhe uma coisa?" "não não pode, desculpe mas estou a trabalhar" e afastei-me.
Não me chateia que as pessoas não queiram ser fotografadas, têm esse direito.
O que me chateia, é que a mente das pessoas vá logo para coisas más. Mas esta senhora achava o quê? que eu poderia ser administrador de um site de pedófilia? que iria meter o filho online à venda? e que se isso acontecesse ela acharia que ainda houvesse alguém que quisesse comprar o seu filho??
Isto é muito rebuscado para mim, por mais que pense, acho mesmo é que esta gente anda toda doida!

4 comentários:

CAP CRÉUS disse...

Tens razão no que dizes, mas sabes que a dada altura quando dava aulas aos putos dava por mim a pensar se não estaria a fazer algo de errado, não fosse algum Pai ou Mãe vir-me chatear a cabeça.
Um gajo é tão massacrado por noticias e tudo o mais, que depois fica meio bloqueado.
Abraço :-)

André carvalho disse...

acredita, hoje em dia vês um puto a rir para ti, e foges!!! não vá alguém pensar que o queres raptar:S

Foxy Ni** disse...

eu tenho panca por bébés, adoro-os e sempre que vejo um derreto-me. hoje dou por mim a conter sorrisos porque já me aconteceu uma situação desagradável no passado ao acharem que lhes ia roubar o filho só por estar a sorrir e a "brincar" com ele num shopping. jurei que nunca mais!

CAP CRÉUS disse...

Pois...
Ainda ontem no metro,comecei a brincar com uma bebé e depois parei, porque comecei a pensar nisso.
Fónix!