quinta-feira, 13 de março de 2014

MUITO MAIS SEGUROS AGORA!!


Espectáculo!! É a única palavra que com que posso classificar o novo edifício da Policia Judiciária. Em primeiro lugar só custou 90 milhões de euros, depois vai ter um heliporto!! Uuuuuaaauuuuuuu!! Em segundo mal se entra há um passadiço de vidro à prova de bala, devido aos constantes ataques que o policias eram alvos, agora podem passar e dizer adeus aos atiradores sem serem baleados. A cave tem 300 metros quadrados e autonomia para vários dias em casos de ataques de terroristas (Não é a nossa classe politica a verdadeira terrorista?). Também na cave há uma carreira de tiro para os Pj's treinarem, excelente!! Mas esperem lá... os nossos policiais não têm falta de munições?? Segundo Pedro do Carmo o heliporto não terá grande uso, mas pode ser usado de vez em quando ao combate do narcotráfico, ahahhahahhahahah. Por último a cereja no topo de bolo, para que não pensem que os policias da judiciária são uns gajos incultos, a sede será decorada com quadros de Paula Rego, Botero, Miró, Picasso e Chagall, entre outros artistas baratinhos. Realmente, temos dois países dentro de um só. De um lado lutam na escadas da assembleia por ordenados dignos, por não terem de pagar fardas, pro terem carros rápidos e condições de trabalho dignas. Do outros passeia-se entre obras de arte e edifícios "topo de gama", com funcionalidades que provavelmente nunca será aproveitadas. Sabem o que me apetece dizer a toda esta corja de politicos que nos gozam à descarada? Vão para a grandessissima P%t# que vos pariu!!!

4 comentários:

Cláudia L. disse...

Oh cum cacete!

Levei para o estaminé.

Anónimo disse...

Os quadros que refere são falsos e resultam de apreensões efectuadas pela PJ. Lá fica o seu bolo sem a cereja...

Manuel disse...

Os que lutam por um maior apoio na compra do fardamento, por um melhor fardamento (sim, que o que há não é apropriado) não pertencem ao MJ, mas sim ao MAI. Certo que alguns do Ministério da Justiça se juntaram, mas muito poucos. É por aí a diferença. Os ministros do MJ sabem sempre fazer a coisa melhor.

Os inspectores não pediram esse edifício, muito menos se importam com a decoração da coisa. O resto, a longo prazo (e isto vai ter de durar mais uns 200 anos sem obras) vai sendo útil.

A carreira de tiro é útil. O Heliporto até pode ser, não só para serviços policiais.

Se é para se fazer, que se faça em grande. Ao menos, devem ter conseguido arrecadar menos nos bolsos (quem orçamentou isto e partiu para a acção). Consta que ainda se poupou.

André carvalho disse...

Anónimo... não seu eu que digo... eu apenas transcrevi o que vinha na noticias. Era no jonal Público.
Um abraço, vou comer uma cereja:)