terça-feira, 21 de agosto de 2012

UM WC NA PRAIA!

Eu sei que esta é a "temporada idiota", mas será que as pessoas têm de levar as coisas tão à letra? Todos os fins de semana, tenho rumado ao "meu" alentejo, nomeadamente aos Aivados. Uma praia que até há uns anitos atrás, tinha pouca afluência, bom ambiente, lugar para o carro e era acima de tudo uma praia limpa. De há 3 anos para cá, as autocaravanas, as tendas e os campistas de fim de semana invadiram o parque de estacionamento e as dunas da praia. Calma, não tenho nada contra o campismo selvagem feito por verdadeiros amantes do meio ambiente, que é exactamente o que não acontece nesta praia. Pseudo hippies (e digo pseudos, porque os verdadeiros hippies preocupam-se com a preservação do meio ambiente), gajos com a mania que são surfistas (digo com a mania, porque um verdadeiro surfista cuida do meio que o rodeia), e familias com tiques de nobreza são a fauna mais vista nesta praia nos dias que correm. E na verdade quando estamos na areia, até passa despercebida a imundice que está a escassos metros de nós. Infelizmente, basta subir qualquer uma das dunas para constatar que aquela zona não é mais do que um WC público!! A quantidade de merda acumulada e de bocados de papel higiénico é mais do que muita e vai crescendo de ano para ano!! Há coisas que sinceramente me custam a encaixar, entendo pefeitamente que o chamamento para dormir no meio da natureza seja irresistivel, entendo perfeitamente que temos o direito de usufruir das nossas praias na sua plenitude. Mas nao consigo entender esta cambada de porcos, que têm a mania que vivem em comunhão com a natureza, não consigam levar um saco de plástico para recolher a porcaria que fazem!! Custa assim tanto?? mete-vos nojo a vossa própria merda?? Então imaginem o nojo que mete a nós, comuns mortais que apenas queremos curtir uma prainha e temos de nos cruzar com as vossas prendas, que infelizmente vão acumulando a cada dia que passa. Vão lá despejar as fezes e o lixo no vosso quintal, pode ser que aí mudem de ideias.

6 comentários:

Marco C. disse...

isto revolta-me...essa é a "minha" praia (sou de porto covo) e já dormi mta ves, ao relento nesse relvado ao lado da ribeira e revolta-me muito ver esses filhos da p#t@, pseudo hippies, pseudo surfistas, como bem lhes chamas, esses campistas da natureza, oriundos da periferia de lisboa e margem sul, na grande maioria, (e digo isto com conhecimento, pq eu nasci, cresci e fui criado nessa zona) deixarem essa praia, essas dunas nesse estado. Essas caravanas mereciam era ser queimadas durante a noite!!

CAP CRÉUS disse...

Nem vou comentar. Estou demasiado cansado de ver merdas destas.
Em todas as praias lá ando eu a apanhar o lixo dos outros e pareço sempre um alien.
E as beatas? E as beatas??

FireHead disse...

Não precisas de ir à praia para ver javardice, infelizmente...

Nuno Silva "Espuma" disse...

é triste mas real! Uma realidade crua e dura e o problema não é só ai, como tive oportunidade de ver no Amado, Carrapateira,Zavial,....lixo, merda e afins espalhados por todo o lado, principalmente devido ao pessoal dito "amante" da natureza e do "caravanismo" selvagem...

MUNDO POSITIVO disse...

Sempre tive autocaranava, todos os anos desde 1994 que rumo a esta praia e não posso deixar de concordar com o André Carvalho. Felizmente não ponho lá os pés em Agosto mas já tinha ouvido um relato do que aconteceu este ano. Estendais na rua, mesas e cadeiras a ocupar espaço... Uma vergonha. A situação do papel higiénico e da porcaria nas dunas já não é deste ano. Até costumava dizer que tinha nevado no verão tal era a quantidade de papel. Infelizmente o que vai acontecer um dia destes vai ser como fizeram em França, queres acampar vais para o parque próprio para tal. Por uns pagam todos, e um dia já não vou poder surfar e ter o meu TO de apoio logo ali. Tomar o pequeno almoço ou jantar a um passo da água. Além do estigma que se cria à volta da malta que tem autocaravana. A malta realmente não sabe conservar, nem para eles mesmos para poderem voltar. E outra coisa fundamental, posso ser egoista, mas nunca disse a ninguém onde ficam os Aivados...

André carvalho disse...

nesse capitulo também eu sou egoista, tentei conservar esta praia até à ultima, agora já é dificil, valha-nos o inverno;)

abraço