terça-feira, 21 de janeiro de 2014

AI AS PRAXES...


Há um mês que a tragédia do Meco é um assunto de topo em Portugal, aliás de há um mês para cá que tirando a coroação de Ronaldo como melhor do mundo, só nos acontecem tragédias... Meco, Eusébio, Hercules e mais umas que vão passando despercebidas. Acompanhei na diagonal o que se tem passado no MEco, porque sinceramente não tenho pachorra para a novela que se fez e faz daquele acontecimento. Às vezes ouvia de pessoas o quão ridículo era ser arrastado à beira mar, que eles deviam estar drogados, que isto, que aquilo. Eu sempre achei perfeitamente possível estar a molhar os pés na praia do Meco e de repente ser puxado. Só quem nunca foi ao Meco e principalmente naquele dia que as ondas estavam gigantes, é que acha impossível ser-se arrastado. Para mim essa era a explicação, um escapou-se os outros não. Simples, claro como a água na praia do meco em dias de verão. Mas agora parece que o Dux (só este nome me faz comichão) tinha programado uma praxe que passava em ir dar um mergulhinho às ondinhas do Meco, à noite! Para compôr o ramalhete, porque não levar as capas de morcego? às tantas voamos se houver perigo, deve o Dux ter pensado. Ainda por apurar mas tudo indica que a morte de 6 jovens na casa dos 20 anos, aconteceu porque participavam numa praxe, sabiamente encabeçada pelo Dux. Pois a mim o que me custa aqui é ver que houve 6 mortes por estupidez e não por afogamento!! Estupidez desta turma das praxes que sente prazer em humilhar pessoas, que a única herança que devem passar é um "faz aos outros o que te fizeram a ti" e desculpem-me os mais sensiveis, estupidez destes 6 putos, que bastava terem dito NÃO! O que leva um puto a passar de livre vontade por situações humilhantes de tão ridículas que são para se sentir integrado? Não posso acreditar que aos 20/23 anos não se tenha noção do perigo numa situação destas. Desejo muita força aos familiares que acredito que não seja nada fácil para eles, ainda para mais com o silêncio da única testemunha. Não é o primeiro episódio triste que temos como consequência de praxes e com certeza não é o último que vamos ter como consequência da estupidez humana.

1 comentário:

maldizente disse...

São burros os que mandam, são burros os que seguem... e os que ficam? Esses ficam com um vazio, apenas porque sentem